sexta-feira, 30 de maio de 2014

Os 7 Dons na magia

  Muitas pessoas tem me reclamado que não conseguem ver fadas e me perguntam porque isso acontece com elas. A verdade é que eu não tenho uma resposta. Isso pode ocorrer por vários motivos. As fadas podem não ter sentido alguma afinidade por essa pessoa. Ou a pessoa fez algo errado (talvez tenha feito um feitiço, no dia errado, na hora errada ou na lua errada) ou não possui algum dom. Esperar que uma pessoa que não possua nenhuma mediunidade veja uma fada é como esperar que um cego aprecie um pôr do sol. É impossível!
  Existem muitos feitiços (incluindo meditação e visualização) que podem ajudar a despertar um ou mais dons. Todos temos pelo menos um dom. O que acontece é que esse dom pode estar adormecido, esquecido ou atrofiado bem lá no fundo e, você só precisa despertá-lo. Como? Existem ótimos sites que ensinam a trabalhar vários dons. Ou você pode comprar livros de magia (eu recomendo os de Eddie Van Feu, pois são os melhores sobre wicca) e aprender em casa. Não precisa chorar por não poder ir para Howargts (rsrs) ou fazer parte de um coven. Aprenda em casa. Seja você mesmo o seu mestre e surpreenda-se. A magia não se resume em atrair espíritos familiares, fadas e duendes. A magia é mais do que ser a melhor amiga da fada Sininho ou Viajar para a Terra Do Nunca! Primeiro, descubra o lado bom de ser um bruxo, de manipular o tempo a seu favor, de persuadir as pessoas, de ser belo e poderoso, de conseguir tudo o que quiser quando quiser para depois atrair elementais. Vai por mim, depois que você descobrir a magia e beleza de ser um bruxo, você nem vai se importar tanto assim com os elementais e eles vão parecer pequenos diante da grandeza dos deuses e de seu poder.
   Mas vamos com calma! Não pense que do dia para a noite, você pode se tornar um Gandalf. Isso leva tempo, dedicação e persistência. Só os grandes conseguem porque eles aprendem com seus erros e nunca desistem.
    No caminho da magia nem tudo são rosas. Temos de aprender a perder de vez em quando. E temos de entender que, às vezes, desejamos as fadas, mas elas não nos desejam. Tudo a seu tempo. Não se sinta fracassado por isso. Tente outros elementais. Se as fadas te desprezam, outros seres podem te amar, como as ninfas, os gnomos, os bakenekos, as kitsunes e etc. Muitos bruxos morreram sem conhecer as fadas, mas nem por isso, desistiram da magia e se deram muito bem com outros elementais, que no fim das contas, foram melhores que as fadas para eles. Isso é uma questão de afinidade. Imagine que você é uma patricinha boba e mimada e quer muito fazer parte de um grupo gótico. Vocês acham que eles deixariam você andar com eles? Claro que não! A menos é claro, que você mudasse seu estilo completamente. Mas não apenas seu estilo, mas sua atitude! Com as fadas é a mesma coisa. Se quer atrair uma fada, estude mais sobre elas e procure imitá-las, não no estilo, mas na atitude. Se para você, as fadas são boas e moralistas, seja boa e moralista. Trabalhe suas melhores qualidades. Fadas apreciam pessoas sinceras, bondosas e generosas. Agindo de acordo com a energia do espírito que deseja atrair e trabalhando seus dons, não tem como errar.
  Mas que dons são esses? Há vários dons, e não devemos nos enganar pensando que assim como nos filmes, as bruxas podem controlar os quatro elementos, voar em vassouras ou transformar os outros em lagartixas. Isso é ficção. Nem as crianças acreditam mais nisso. Então, barbados, parem de serem ingênuos! Vocês são humanos. Não podem realizar tal façanha. Se conformem e ponto!
  Dentre os dons existentes, encontra-se:

A Telecinese, que seria a capacidade de mover objetos com o poder da mente. Esse é um dom muito raro e, dos mais cobiçados pelos bruxos.

A Telepatia que é capacidade de se comunicar através do pensamento com outra pessoa, ouvir pensamentos ou apenas enviar mensagens telepáticas. É um dos dons mais fáceis de se conquistar, mas exige muita concentração do aspirante. Existem os telepatas que enviam e recebem mensagens, os que apenas enviam, e os que apenas recebem. Meu irmão Thiago, por exemplo, demonstra ser do tipo que recebe e envia. Em mais de uma ocasião, já trocamos mensagens.

A Vidência não tem nada haver com onisciência, saber os números da mega-sena ou adivinhar tudo! Ela, na maioria das vezes, pode ser um dom confuso, incomodo e difícil de ser controlado. Há pessoas que podem prever o futuro através de visões ou sonhos. As visões acontecem quando a pessoa está acordada e os sonhos... Dã!
  Há também aquelas pessoas que só podem prever o futuro através de cartas, búzios ou outros métodos divinais. Também são comuns, os chamados "adivinhos" que sempre sabem quando apostar ou não suas fichas em algo ou alguém.
  Existem pessoas que podem ver o Passado, o Presente e o Futuro. Outras podem ver apenas um dos três. Possuir o dom de ver os três ao mesmo tempo só para uma pessoa sortuda!

A Cura também é considerado um dom raro e foi atribuído aos santos e alguns curandeiros. No caso dos santos, eles podiam curar sem valer de ervas ou remédios. Isso acontecia de imediato, como em um passe de mágica. No caso dos curandeiros, eles conheciam ervas e encantamentos que facilitavam em muito na recuperação do enfermo.
  Acredita-se que o dom da cura consome muita energia do médium e pode até matá-lo depois de um tempo.

A Persuasão é o poder de convencimento ou fascínio sobre as outras pessoas. Sabe aquela pessoa boa na lábia? Ela, na verdade, possui esse dom. Acredita-se que se praticado e treinado do modo correto, esse poder tende a crescer e transformar o bruxo em uma pessoa muito influente.

O Viajante é aquela pessoa que vive entre os mundos, um tipo de pessoa que estaria com um pé nesse mundo e o outro no mundo dos espíritos. Ela poderia aprender muito com os deuses e os espíritos evoluídos se soubesse usar seu dom. Caso contrário, poderia terminar como uma pessoa insana e incompleta, com aquele eterno sentimento de que não pertence a lugar algum. O viajante nem sempre controla seu dom e pode perder-se em suas viagens astrais. Dependendo do quão longe ele possa ir, é perigoso ele entrar em coma profundo e dormir até que alguém o resgate do mundo dos sonhos.

O Necromante é aquela pessoa infeliz, que nem de longe eu invejo, que pode ver, sentir, ouvir e falar com os mortos. Você deve estar se perguntando, qual a vantagem desse dom? Não sei. Talvez se você conseguir falar com o espírito de um mago muito poderoso... RsRs.


   Os Híbridos possuem estes e outros dons mais fantásticos. Eles sim podem controlar algum elemento (dependendo de sua natureza), soltar bolas de fogo, gelo e diabo a quatro! E sabe por quê? Porque eles não são humanos. Eles parecem, mas não são. Essa é a beleza de ser híbrido, parecer ser só mais um humano comum, mas ser divino!
  Existem outros dons que os humanos podem desenvolver, mas estes que eu citei, são os principais e os mais importantes. Boa sorte a todos!  
Copyright ©By Daniele Araujo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...